injusto com voces - um sentimento por dia

Eu não queria
dizer
mas que bom
que
acabou.
A gente se amava
tanto
que era injusto
com quem
nunca teve
amor.

quando eu falo de amor - um sentimento por dia

Amor, eu digo “eu te amo” toda vez que
te olho no fundo dos olhos,
respiro forte e
começo a sorrir sem motivo.

Amor, eu digo “eu te amo” toda vez que
te escuto, te ajudo com os problemas,
te ajudo com a vida,
te ajudo a te ajudar.

Amor, eu digo “eu te amo” toda vez que
eu não digo nada,
pois eu não preciso dizer algo
para pensar em você.
Eu meio que não consigo para de fazer isso.

idade mental - um sentimento por dia

Você está preso em sua idade mental. Por mais que tenha obrigações e responsabilidades de adulto, você está condicionado ao seu eu-infantil.

Você é birra, não pode ser contrariado e se for, um “lá lá lá” e os dedos tampando os ouvidos torna-se argumento e isso vira a solução. Mal sabe você que os dedos empurram para a sua cabeça mais problemas e um dia ela pegará birra de você.

Você é imaturo. Está preso em suas próprias vontades. Não quer se programar, a vida é agora. Não quer ir lá, quer ficar aqui porque quer. É do seu jeito. É na sua hora. Em algum momento o parquinho irá fechar e você ficará sozinho.

Você é inconsequente. Hoje aqui e amanhã não se sabe. O dia vai acabar e amanhã terá outro igual. Quer já. Não dá para esperar. É essa aqui. Me vê todos. E nessa de ser tudo tão intenso, na hora do recreio você fica sem nada na lancheira.

Ok. Viva seu momento, consuma o seu mundo infantil. Uma hora a mente irá crescer e os caprichos não vão te cair tão bem como você espera. Está na hora de doar os seus brinquedos. Está na hora da sua vida entrar na puberdade.