Você não faz meu tipo, mas parece que por sua causa não há outro tipo que eu queira fazer. O seu olhar naturalmente sedutor, o sorriso convidativo e o jogo malicioso de palavras tornam você naturalmente em predador. Mas eu não quero ser presa, nunca fiz esse tipo. Sempre escolhi as minhas vítimas e apliquei as minhas técnicas sutis para o abate. O seu jeito faz com que eu queira ser abatido, devorado. E sem nenhum esforço físico, consegue me dominar.

Tentação.

Leia também...