image

Que as nossas decisões não reflitam em nosso futuro. Que o nosso futuro não seja consequência dos impulsos. Que os impulsos não causem apenas dor. Que a dor não se torne rotina. Que a rotina não acabe com a gente. Que a gente não acabe por causa de nossas decisões.

 

Todo fim e um novo comeco - um sentimento por dia

O primeiro passo do fim é não saber que ele chegou. É como dizem, “a ficha ainda não caiu”, e o hoje é só mais um dia comum, mas com gosto estranho na boca, peito apertado e ideias transtornadas. O fim quer transformar a gente no que ele é: o término, o nada, o vazio. Não aceitamos e por isso o fim nos transforma em reféns. Sentimos os olhos mais pesados, temos pensamentos simultâneos e nenhuma perspectiva de futuro. O fim tira o nosso futuro e deixa por conta do destino, no caso, um novo.

Quando tudo acaba, tudo recomeça. A renovação ocorre sempre quando não estamos prestando atenção. Quando o fim chega, buscamos novas alternativas para os velhos caminhos, criamos novas rotinas e retomamos velhos sonhos que até então estavam em segundo plano. Muitos encararam a renovação como o gran finale, mas muitas vezes ela é apenas um novo ciclo reciclado, que precisava de um tempo para decidir qual renovação ela gostaria de ser.

Por mais cruel que possa parece, o fim quer nos ter para não se tornar o que ele é por natureza. O fim, por mais fim que seja, nunca é o final. Não deixamos que um fim seja nosso. O fim é o nosso aliado na redenção. Todo fim é um novo começo.

image

Já me enganei sobre muitas pessoas, sobre a forma que imaginavam fatos sem nunca sequer ter as questionado. Já me enganei sobre mim, pensando que era dono da verdade por saber colocar em prática algumas ideologias, que no final não funcionavam. Já me enganei sobre os outros e sobre mim, mas acredito que não me enganei sobre nós. Juntos não somos só especulações, juntos somos soluções.