Eu só queria fugir de mim. Gostaria de ir para um lugar confortável, onde a minha mente se sinta livre para fazer o que bem entende, para deixar de ser condicionada. Me libertar dos padrões, dos deveres, dos pudores, da desordem, do mundo que conhecemos. Sentir que posso fazer tudo e nada ao mesmo tempo, ter compromisso com a felicidade e sentir o conforto da salvação.

Aqui dentro continua sufocante. Quero fugir de mim, por mim, para amanhã me encontrar em um novo eu.

Leia também...